Mage

M:tA Chronicles (Jay)


You are not connected. Please login or register

[Genève 19 Rue Saint-Léger] Introspecção - - 18.01.2017 06.00 a.m.

View previous topic View next topic Go down  Message [Page 1 of 1]

Depois da primeira noite na nova chantry, Xang deu consigo intensamente inquieto... Por muito que o ambiente da chantry fosse calmante, especialmente o jardim, que parecia magicamente retirar da mente quaisquer problemas que a pessoa estivesse a experienciar, a morte de Kvothe continuava a assombrar o monge. Ele sabia que o próprio mago tinha aceite a sua partida, mas parte de Xang estava disposta a dar a sua vida se isso tivesse qualquer probabilidade de salvar o seu amigo, num esforço que decerto deixaria a Irmandade orgulhosa. Contudo, quando ele quis salvar Kvothe, já não estava preocupado com a sua missão, já há algum tempo que essa não era o seu único propósito de ser: ter-se tornado em Hebi com Sshas'kah no mundo dos espíritos, e as experiências que lá viveu, colocou a sua vida e prioridades em perspetiva. Mas mesmo assim, ele não deixava de sentir que tinha falhado, que talvez pudesse ter feito a extração doutra forma, que talvez houvesse outro ritual, que se a chantry toda se tivesse juntado a tempo, que talvez tivessem conseguido...

Nestas alturas, o monge fazia a única coisa que ele era realmente capaz de fazer, e seguiu para a sala de treinos, para suar todas aquelas dúvidas do seu corpo para fora.

View user profile

God

avatar
Admin
Please roll INT+Meditation Dif 8

View user profile http://rpmage.forumotion.com
OOC: They see me rollin'

View user profile

God

avatar
Admin
The member 'Xang Liu' has done the following action : Dices roll


'd10' : 2, 6, 1, 9, 9, 1

View user profile http://rpmage.forumotion.com

God

avatar
Admin
The loss of Kvothe was sad and came at great cost to Xang. Through discipline and introspection you understand that the loss was also the lifting of a burden.

Kvothe dies for a great cause, but his spirit lives on. Maybe you can still contact him on the shadowlands?

Either way, more pressing issues are at hand.

The veil is ever so more fragile and the information about a new sphere might change it all.

You do recall old masters stating that the 10th sphere would unite them all.

Who better than you to help the cabal stay their course?

View user profile http://rpmage.forumotion.com

God

avatar
Admin
Edit: Bonus for Last session summary

Introspection:

" You though, as a boy, that a mage is one who can do anything. So I though once. So did we all. And the truth is that as a man's real power grows and his knowledge widens, ever the way he can follow grows narrower: until at last he chooses nothing, but does only wholly what he must do... "

View user profile http://rpmage.forumotion.com
O incontornável, sempre presente laço entre o mago e o seu Familiar permitiu a Sshas'kah encontrar facilmente o monge, e vendo-o e sentindo-o mais resoluto e determinado aliviou-a. Ela sentia a dor da perda de Liu, mesmo não sentindo nenhuma ligação em particular com o miúdo (porque o que é um século comparado com o que ela já viveu?) mudo, pois esta forte ligação mental com o monge significava esta intrusiva e constante partilha, que nunca consigam completamente evitar, no máximo contornar temporariamente. Mesmo assim, ela respeitava Kvothe como o líder que foi, e se fosse o caso de se cruzarem do outro lado, ela teria nada mais que ternura para ele.

Agora era necessário tomar conta dos vivos, e ela sabia que ainda tinha muito trabalho com Xang enquanto sua guia, porque ela não ia deixar que ele tivesse o mesmo destino que os seus anteriores mentorandos. Desta vez, estava decidida a ver um final feliz.

"Liu,", sussurrou levemente assim que a sua meditação findou, com uma toalha em mãos para o enxugar do suor. "Sentes-te melhor?" Ela sabia a resposta, a pergunta era inútil também porque o monge quanto muito lhe daria um aceno da cabeça, o cabeça dura, idiota, teimoso... Mas ela sorriu apenas, tirando os óculos de sol de um bolso e pondo-os na cara dele: "Sabes, até te fica bem este ar mais moderno", riu-se e passou a mão na cabeça rapada dele: "e talvez pudesses deixar crescer o cabelo a seguir, não precisas de parecer um monge para ser um monge."

Deixando a toalha sobre os ombros de Xang, termina: "Vá, limpa-te e vai continuar a trabalhar nesse brinquedo, que prefiro ver-te ocupado a cabisbaixo." Deixa assim o monge na sala, para ir passear para o jardim

OOC: Formatar texto à para no tel dá-me cancro. Conversa em Mandarim.

View user profile
O mago despertou da sua introspecção com as palavras de Sshas'kah. O seu ar impávido e sereno manteve-se completamente inabalado, como sempre, mas ter a companhia da sua guia e ouvi-la, mesmo que falar fosse um exercício em futilidade quando a telepatia e ligação simbiótica que tinham os deixasse saber o que o outro diria ainda antes das palavras se formarem, era um alívio. Era algo real e constante, uma âncora para recuperar os seus sentidos... Pensando nisto, e enquanto Sshas'kah o enxugava, Liu deixou mesmo escapar um sorriso.

(Estamos vivos. E dos vivos cuidaremos, em honra dos que até agora morreram.) pensou, suspirando depois dos comentários de Sshas'kah sobre o seu visual: "É mais prático para o combate, não me podem puxar os cabelos assim. Os óculos são convenientes para ter algum nível de descrição."

Quando ela o deixa na sala, ele tira os óculos da cara e estuda-os. "Bem, então vamos ver- heh, ver- se consigo adiantar isto mais um pouco..." Ainda de toalha ao pescoço, e ignorando a sugestão de Sshas'kah em ir lavar-se, pelo menos por agora, vai à procura de um local com uma forte presença de um Node para continuar o seu projeto.

View user profile

Sponsored content


View previous topic View next topic Back to top  Message [Page 1 of 1]

Permissions in this forum:
You cannot reply to topics in this forum